Lágrima ácida: saiba o que é e como eliminá-la

Cachorro com lágrima ácida.

Seu cachorro tem manchas escuras próximas aos olhos, como se fossem lágrimas? Então é possível que ele tenha cromodacriorreia! Mas calma, não se assuste, embora o nome seja complexo, trata-se da popular lágrima ácida, que é caracterizada por manchas amarronzadas que se formam abaixo dos olhos.

Leia o artigo a seguir e descubra as causas e tratamento para esse problema.

O que é a lágrima ácida, afinal?

É muito comum encontrarmos cachorros com manchas escuras abaixo dos olhos como se eles estivessem chorando. Essas manchas são causadas pelo excesso de lágrimas que, por diversos motivos, podem se acumular nos olhinhos do seu dog, escorrendo pela sua face.

O normal seria que o canal lacrimal (que é um furinho minúsculo no canto dos olhos) absorvesse essas lágrimas, porém alguns fatores podem atrapalhar ou até mesmo impedir essa absorção.

E quais são as possíveis causas?

Dentre os diversos fatores que podem dificultar a absorção das lágrimas, podemos citar:

  • Produção excessiva de lágrimas: excedendo a capacidade de sua absorção pelos canais lacrimais;
  • Acúmulo de pelos na região dos olhos: de forma que os pelos podem ficar tocando e irritando os olhos, o que resulta em um aumento na produção lacrimal;
  • Pálpebras mal posicionadas: esse problema faz com que os cílios nasçam para dentro, e causem uma irritação constante nos olhos, gerando um volume de lágrimas maior que o normal;
  • Obstrução do canal lacrimal: tecnicamente chamada de epífora, ela pode ser parcial ou total, dificultando ou até mesmo impedindo a absorção da lágrima (que ao ser absorvida é direcionada para a cavidade oral, onde é engolida);
  • Tártaro: pois é, ele pode agravar ou inclusive fazer com que o dog desenvolva o problema da lágrima ácida. Isso porque, as placas bacterianas causam inflamações que podem reduzir e, por vezes, impedir a saída das lágrimas que deveriam chegar à cavidade oral do animal.

 

É importante saber que algumas raças têm uma maior predisposição à lágrima ácida. Sendo assim, os pugs, shih-tzus, lhasas apso, buldogues, pequineses e poodles são os mais propensos. Em geral, dogs de focinhos mais curtos e/ou olhos proeminentes têm maior tendência, e, claro, esse acúmulo de lágrimas é mais visível em animais de pelagem clara.

Qual a relação com o pH da lágrima?

Não se engane: apesar do nome “lágrima ácida”, um estudo realizado por pesquisadores da USP, com 65 cães da raça poodle (todos avaliados e atestados como clinicamente saudáveis e aptos a participar da pesquisa), afirma que o aparecimento de lágrima ácida não está relacionado ao pH da lágrima, uma vez que os pesquisadores não encontraram diferença entre o pH da lágrima dos cães com manchas e dos cães sem manchas.

Esse estudo afirma mais: que o problema está diretamente relacionado ao tipo de alimentação.

A formação das manchas escuras está relacionada a duas substâncias presentes na lágrima: a lactoferrina (da família do ferro) e a porfirina (uma molécula que contém ferro). Ao escorrerem para fora dos olhos, elas reagem com o oxigênio e microrganismos presentes na região, causando o escurecimento dos pelos onde a lágrima escorre.

Como solucionar o problema de lágrima ácida?

Embora a ocorrência de lágrima ácida normalmente seja inofensiva, é importante levar o seu animal ao veterinário, para a definição da causa e do tratamento. De fato, alguns casos precisarão de intervenção cirúrgica, como a desobstrução de canais lacrimais ou correção de pálpebras mal posicionadas.

Temos algumas dicas que irão ajudar a maioria dos casos:

  • uma tosa regular na região dos olhos
  • atenção quanto à formação de tártaro dentário
  • higienização da região dos olhos com gaze (ou pano macio)
  • troca da alimentação

A alimentação natural e a redução da lágrima ácida

Aqui na ElevenChimps recebemos muitos casos de sucesso que mostram os bons resultados da alimentação natural na redução da lágrima ácida. Além de todos os benefícios que a comida de verdade leva para a saúde de seu dog, como o aumento da longevidade, ela também pode ajudar nessa questão. Mas reforçamos sempre que a resposta é individual.

São os próprios tutores que nos contam o fim do problema após mudarem a alimentação de seus cachorros. Confira 5 casos de sucesso no vídeo a seguir:

Conheça aqui a melhor opção de alimentação natural para o seu dog. Você vai se surpreender o e seu cachorro vai se deliciar!

Siga também o nosso Instagram para conhecer mais histórias de dogs que tiveram as suas vidas transformadas com a ElevenChimps🐾

2 respostas

    1. Obrigado, Freitas! Sobre a queda de pelos, o ideal é sempre consultar o seu médico veterinário de confiança para que ele possa avaliar e indicar o melhor tratamento. Por que não experimenta também oferecer para o seu dog a alimentação natural ElevenChimps? 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também